Skip to content

Sobre amores impossíveis

maio 11, 2011

#1
Laura e Joseph não dormiam mais na mesma cama, mas precisavam manter as aparências. Todo domingo, como num ritual automático, acordavam no mesmo horário e levavam as crianças para a primeira missa da Igreja da Penha. Ao final, sorriam para todos e fingiam ser felizes, mesmo sabendo que nunca mais trocariam carinhos ou palavras doces. Passariam a vida fazendo de conta que era tudo perfeito, e assim foi.

#2
Enquanto o mundo explodia lá fora, Noel e Benjamin rolavam pela cama, rindo de suas coisinhas mais bobas. O lençol nem cobria mais o colchão, de tanto que se engalfinhavam, de um lado para o outro. Seus beijos apaixonados denunciavam uma paixão quase lúdica, mesmo que os dois precisassem voltar para suas esposas depois de terminado o período do motel.

#3
Silvia e Elaine eram amigas desde que nasceram, sendo criadas como irmãs. Cresceram juntas, e sabiam guardar seus próprios segredos. Numa noite chuvosa de sábado, Elaine beijou sua amiga e foi expulsa do apartamento aos socos e chutes. Ficaram seis meses sem se falar, e só reataram a amizade com a condição de enterrar o assunto sob uma fina camada de açúcar mascavo.

#4
Rogéria e Renato começaram a namorar muito cedo, assim como veio a gravidez de seu primeiro filho. E como tudo em suas vidas era precoce, a separação chegou antes mesmo do parto. Mesmo não estando juntos, mantinham relações sexuais regularmente, só para não perder o vínculo, e não traumatizar o bebê.

#5
Jorge amava Priscilla, que amava Leandro, que amava Bianca, que amava Alessandro, que amava Lauro. Este último não amava ninguém, porque só tinha tempo para curtição. O pobre rapaz morreu um ano antes de Bianca se casar com Leandro, que volta-e-meia participava de um ménage com seu melhor amigo Jorge e Priscilla, atual esposa de Alessandro, que pegou chato de um travesti chamado Tânia Belvedere.

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. maio 11, 2011 8:07 pm

    …. ah, eu precisava amar alguém também, né?
    ….só passoa parte do “chato”.
    ….é, preciso dizer que “os posts” estão/são ótimos?

  2. Luiz Paulo permalink
    agosto 13, 2011 12:43 am

    #2 tinha receios q o final seria esse msm. 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: