Skip to content

O poder corrompe

agosto 24, 2014

Luciano acordou com uma vontade inflamável de transgredir regras. Ao meio-dia, estava tenso, determinado a quebrar paradigmas. Sem escapatória, passou no mercado e comprou uma bandeja com quatro potes de flan. Comeu todos. Sozinho. Fez porque quis. Fez porque podia. E ainda matou uma vontade que nutria deste a primeira infância. O passo seguinte seria provar para sua mãe que ele era capaz de beber seis garrafinhas de Yakult sem morrer.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: