Skip to content

Nasce uma estrela caseira

setembro 11, 2014

A idéia surgiu quando Shirlem estava à beira de um colapso nervoso. Com seus três filhos encatarrados e o marido sentindo falta de ar, ela já havia tentado de tudo para desobstruir suas vias respiratórias – desde Vick Vaporub até reza braba – mas nada adiantava. Revirando sua bolsa em busca da carteira, a dona de casa esbarrou num Halls preto, fechadinho, e deu-se a epifania.

Numa panela de pressão, Shirlem colocou água para ferver e jogou 10 balas lá dentro, junto com um pacote de macarrão parafuso. A princípio, aquela mistura não parecia muito apetitosa, mas conforme foi engrossando, o vapor tomou conta da casa. Em poucos minutos, a mesa estava posta, e os quatro “pacientes” esperavam ansiosamente pela exótica sopa. Seria aquela a última alternativa, antes de partirem para um hospital.

O resultado foi melhor do que se esperava, e na manhã seguinte estavam todos recuperados. A notícia voou mais rápido que fofoca, e em poucos dias Shirlem estava no programa da Ana Maria Braga, explicando a receita caseira que a levou ao estrelato. O sucesso foi tanto, que as balas esgotaram em todo o país. O bairro de Cascadura ficou mundialmente famoso, e há quem diga que até a igreja já pensa em transforma-la em santa.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: