Skip to content

Rélouím

outubro 31, 2008

Duas abóboras estavam sentadas à beira da plantação, tomando um banho de lua e falando sobre bobagens, quando se tocaram de que não foram escolhidas para decorar nenhuma festinha do dia das bruxas. Quase todas as suas outras colegas estavam, naquele momento, sendo arrumadas para brilhar durante a noite, com uma vela incandescente em sua cavidade. Mas elas deram de ombros, ou o que quer elas tenham como tal. Pelo menos poderiam sonhar em virar um doce, um bolo, uma sopa ou um suculento refogado. Acenderam um cigarro e começaram a zombar da insignificância dos chuchus…

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: