Skip to content

tenha um bom dia

fevereiro 18, 2009

São sete horas da manhã, e ele já está irritado. Na noite anterior, havia discutido com a esposa e isso atrapalhou seu sono. Acordou depois de um breve cochilo, tomou um banho rápido e mal teve tempo de fazer a barba. O ônibus chega abarrotado de gente e, por descuido, ele acaba pisando no pé de uma loira. Como não percebe o incidente, não pede desculpas, e ela começa a reclamar em voz alta, de modo que todos os passageiros o olhem atravessado. Sem graça, opta por ficar calado, já que isso só iria tornar o seu dia ainda mais desagradável. A dondoca, entretanto, segue reclamando por todo o caminho, e como o coletivo só faz encher, não há para onde correr. Ele pensa em se desculpar, mas isso a deixaria ainda mais cheia de pompa. Presos naquele engarrafamento infernal, sob um calor de rachar, o desconforto só aumenta a medida que o falatório prossegue. Sua irritação chega ao limite quando, enfim, ele resolve pisar repetidas vezes no pé da inconveniente reclamona, até tirar sangue. Agora sim, a capivara desbotada teria motivos para se lamuriar pelo resto do caminho, e ele finalmente conseguiria relaxar, esquecendo de todos os problemas que, até então, inflamavam sua mente perturbada.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: